segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Chegaram as chuvas, de sapo?

2012 foi um ano muito seco, pelo menos na regiao nordeste. Tivemos um inverno com poucas chuvas, mas agora começou a chover, motivos de comemoraçao, muitos agricultores, plantando, mas e se....... De repente começasse a chover sapo???? Hã??????? Sim, se chovesse sapos?? Unica coisa que tenho certeza é que minha esposa teria um treco de tanto medo. =[


Segundo a Bíblia, a chuva de sapos é uma das pragas do Egito, em relatos encontrados no livro do Êxodo. O mais assustador é que a “chuva de sapos” pode acontecer perto de você a qualquer momento!
O fenômeno ocorre com uma simples soma de fatores: ventos fortes e animais leves. Ou seja, em uma tromba-d`água – quando um redemoinho encontra a água –, é possível que sapos também sejam levados pelos ares.
O processo todo ocorre da seguinte maneira: um pequeno tornado se forma sobre a água, gerando a chamada tromba-d`água, que é formada por um sistema de alta pressão que precede grandes temporais.
Assim como em ciclones que se formam em terra, aqui, o centro dele é um túnel de baixa pressão, que fica dentro de um cone de alta pressão. É desta forma, que o ciclone consegue sugar objetos em seu caminho.

Enquanto em terra os tufões pegam carros e vacas, na água são os sapos e rãs que acabam sugados pelo vortex, que continua levando os animais em seu trajeto. A chuva de sapos acontece exatamente quando o temporal atinge a terra. Com a mudança de terreno, a tromba-d`água perde sua força e, consequentemente, a pressão também diminui, liberando os objetos que estavam dentro dela, incluindo sapos.
A quantidade de sapos depende muito do tipo de tempestade e, principalmente, do local em que ela teve seu inicio. Existem registros de “chuvas de sapo” com milhares(eita) de animais, no entanto, é comum também observar “chuvas” de aranhas, pássaros e, principalmente, peixes. Lembram daquela vaca voando no filme Twister? Entao, desse jeito!